Páginas

sábado, julho 13, 2013

ORGULHO: Crespo-Cacheado. parte 1

Olá pessoas, como estão? Nem vou falar o porque de eu nunca ter voltado mais e blabla porque já virou uma coisa muito chata. Esse ano está atarefado tanto pra Débora e para mim, mas aos poucos a gente consegue voltar com a rotina do blog. Tanto que hoje eu vou escrever sobre um assunto que vai me obrigar a postar mais vezes. E isso é bom, certo? haha ok let's go.

@summerkellsey  @rayzanicacio @pollycol e as outras eu achei no google, infelizmente não sei o nome :(
Acho muito válido e importante, quando abrimos os nossos corações para contarmos as nossas histórias, para contar sobre o que já vivemos. As vezes, a minha história pode fortalecer a sua e vice versa né?
Eu sou negra, logo o meu cabelo é cacheado/crespo e é sobre ele (que eu já reneguei e cheguei até odiar) que eu vim falar hoje. Isso mesmo sobre cabelo, um assunto que eu nunca abordei aqui no blog.

A minha história não é muito diferente de inúmeras garotas que que não nasceram com o cabelo liso. O cabelo cacheado e principalmente o crespo, nunca foi bem aceito por ai. Ao crescer, nós vimos que:
-Só pode ser bonita se tiver o cabelo liso;
- Cabelo cacheado não é legal e se for crespo é pior ainda.

téfinha escrava do secador, chapinha e todo o tipo de química.

Aos 6 anos eu comecei com a "cultura da química" no meu cabelo. Na minha cabeça de criança, lembro que cabelo bonito era o liso, sem volume e de preferência loiro. Passei a minha infância, pré-adolescência e parte da minha adolescência escrava do secador, chapinha, progressiva e outras químicas só pra ser aceita e me achar bonita (e nisso, o meu cabelo só ia definhando). Apesar de todo tempo e dinheiro gastos (isso sem falar na tortura e com os cheiros horríveis das químicas), eu suportava tudo em nome da beleza.

Cabelo liso é bonito? Sim, claro que é, só que pra mim não tava dando mais e começou a virar uma coisa cansativa. A minha vida era fazer escova e chapinha toda semana, fugir de chuva, não mergulhar na piscina e praia, relaxamento a cada três meses e depois fazer a progressiva... isso era cansativo demais! E aos poucos eu comecei a perceber que eu era uma refém.

Exausta  dessa maratona em nome da ``beleza´´, depois de refletir muito sobre quem eu era, sobre o meu cabelo, sobre a minha cor e as minhas origens...eu decidi abandonar tudo isso e em 2011 eu comecei a minha transição capilar.

A ideia da transição é deixar de usar qualquer tipo de química no cabelo, abandonar a escova e a chapinha. OK. Mas, a escova e a chapinha continuaram comigo só que com menos frequência, claro. E então eu comecei a usar mais tranças, coques, cabelo preso, lenços e o bom e velho baby-liss.

tefinha durante a dura e dificil transição :(


A jornada foi difícil e intensa, e logo no começo, algumas pessoas (isto é, as que importam) achavam pura loucura. Achavam que eu ia ficar uns meses e depois já ir correndo no salão pra fazer a progressiva hahah sambei na cara de todos! Levei a ferro e fogo a minha decisão, sou persistente sabe?  Ver outras meninas  negras e felizes com os seus cabelos naturais, foi me motivando a usar o meu também. Aos poucos fui constatando que eu sempre tive uma cor de pele tão bonita e que ela só queria ser realçada com o que eu mais aprendi a ter orgulho: meu cabelo.

 Eu tive que descobrir uma força dentro de mim. No fundo eu sempre soube que tinha algo de errado e sabia que eu não estava sendo quem  realmente era, por conta de padrões estéticos impostos por uma sociedade que infelizmente, vive em uma falsa democracia racial...



(continua no próximo post)

xoxo, Estéphany Borges.












6 comentários:

  1. Adorei o post e principalmente a sua coragem de assumir sua beleza natural! Essa história que a sociedade impõe que só cabelo liso é bonito é uma coisa que deixa as meninas reféns de processos químicos, que só estragam o cabelo! Quero mt ver a continuação do post! :)
    Beijoocas :*

    http://meuuniversox.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade. Nossa, foi lindo o que você disse! Obrigada mesmo, e a continuação vem a minha super mudança haha

      xoxo ♥

      Excluir
  2. você assumiu mesmo? Realmente, a sua coragem é..incrivel. Essa coisa de só cabelo liso é bonito é ridiculo, também quero ver a continuação do post (:

    malikisses

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. A mudança vai parecer na parte 2 :)
      Obrigada, xoxo

      Excluir
  3. adorei o post e também a sua coragem de se assumir também.
    eu tenho o cabelo ondulado, mas adoraria ter o cabelo mais enroladinho, no melhor estilo afro *-*

    bjbj:*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha sério? eu tenho uma amiga que tenho o cabelo LISO mesmo, e ela odeia kkkk vai entender né?

      xoxo

      Excluir